BlogEuropa

14.01.2015

Plitvice: razão para você ir à Croácia

Parque Nacional dos Lago Plitvice | Foto por Pablo BM via Wikimedia Commons
Parque Nacional dos Lagos Plitvice | Foto por Pablo BM via Wikimedia Commons

 

Por Janaina Dórea

 

O nome pode ser complicado, mas a beleza se encarrega de traduzir tudo para uma linguagem universal: o fascínio. Os lagos de Plitvice são extraordinários de tão bonitos, e é difícil acreditar, só pelas fotos, que exista tanta beleza em um único lugar. Mas existe!

 

 

O Parque Nacional dos Lagos Plitvice fica mais ou menos na metade do caminho entre as cidades de Zagreb e Zadar. Declarado Patrimônio da Humanidade pela Unesco em 1979, é um cenário magnífico, com colinas de floresta que cercam lagos cor de turquesa, interligados por diversas cachoeiras. Pontes de madeira e algumas trilhas deixam o ambiente com um clima rústico, simples e muito simpático.

 

Caminhada pelo parque | Foto por Janaína Dórea
Caminhada pelo parque | Foto por Janaina Dórea

 

A beleza natural do parque merece alguns dias para ser conhecida, mas também é possível aproveitá-la bastante em uma visita de um dia, partindo das cidades citadas acima. Não existe um momento ruim para ir, pois cada estação tem os seus destaques. Você vai encontrar cascatas cheias de água na primavera, colinas verdíssimas no verão e folhagens com tons coloridos no outono.

 

O sistema de lagos divide-se em duas seções: superior e inferior. Os superiores são cercados de floresta densa e interligados por várias cachoeiras. Já os inferiores são menores e mais rasos.

 

Ao chegar no parque, os visitantes recebem um pequeno mapa que mostra os diversos trajetos que podem ser percorridos. A distância e o tempo gasto nos percursos variam um pouco, então cada um deverá escolher o melhor, de acordo com a quantidade de horas que vai possuir no local e as principais atrações que deseja visitar.

 

A paisagem fala por si só | Foto por y.becart
A paisagem fala por si só | Foto por y.becart

 

Esse lugar só tem um defeito: o banho é proibido. E se você estiver por lá no calorento verão croata, certamente sentirá vontade de transgredir às regras e sair correndo para um mergulho. Mas pense que a proibição é por uma ótima causa. A ideia é preservar e manter intocado esse pedacinho de paraíso pelo maior tempo possível. Então leve bastante água para se refrescar e contente-se em olhar aqueles lagos infinitos.

 

Como chegar

Pegue um ônibus que faça o trajeto Zadar-Zagreb ou Zagreb-Zadar. Mas fique atento! Nem todos que fazem esse percurso passam pelo parque, já que os mais rápidos usam a autoestrada, então verifique antes de embarcar. A viagem leva 3h de Zadar e 2h30 de Zagreb. Você pode conferir os horários no site da rodoviária de Zagreb. Mais informações podem ser encontradas no site oficial do parque.

 

Quanto custa

Lagos vistos de cima | Foto por 29cm (CC BY-SA 2.0)
Lagos vistos de cima | Foto por 29cm (CC BY-SA 2.0)

 

A entrada no Parque Nacional de Plitvice varia de acordo com a época do ano e com a quantidade de dias (1 ou 2 dias). Para visitar o parque em um dia, na baixa temporada (janeiro-março, novembro-dezembro), a entrada sai 55 Kunas por pessoas (cerca de R$26). Na média temporada (abril-junho, setembro-outubro), 110 Kunas (R$53). Na alta temporada (julho-agosto), 180 Kunas (R$87). Comprando o ingresso para dois dias, o valor tende a ser 20% mais barato do que dois tickets individuais.

Compartilhe por aí

Sobre o autor

1 comentário em “Plitvice: razão para você ir à Croácia”

  1. Muito bom! Só de ler da vontade de estar em Plitvice.Texto claro e conciso de fácil compreensão, e as fotos são belíssimas. Parabéns, Janaina Dórea!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima