BarbadasBarbadas e RoubadasRede de viagens

14.12.2007

Buenos Aires

Compras e locomoção
Dicas para os brasileiros que querem conhecer e desfrutar em Buenos Aires. Ao chegar no aeroporto, opte pelos remisses que tem logo na saída do desembarque, pois os taxistas que ficam do lado de fora cobram o dobro, digo isso por experiência. Cuidado também quando forem pegar táxi no centro, pois tem muito taxistas espertinhos, claro que existe as exceções.
Para compras tem uma loja de ponta de estoque na M T de Alvear 899. Tem duas lojas, uma próxima à outra, mas a qual me refiro é a menor. Comprei blusinhas de marca por 10 pesos. Outra dica é sair com um mapinha na mão (os hotéis disponibilizam), fica mais fácil de localizar as ruas. O bom é você preparar as pernas para andar (você pode conhecer todos os pontos turísticos no mesmo dia, pois ficam todos próximos), você acaba descobrindo lugares que não seria possível de táxi. Em Puerto Madero tem um cassino que é no cais, dentro do navio, é esplendoroso.
Um bairro mais requintado é Recoleta, lá você pode ir no Hard Rock Café, visitar o cemitério onde está Eva Péron e comprar alguns mimos nas lojas de grifes.
Conselho: antes de ir a Buenos Aires, consiga um mapa da cidade, veja os pontos turísticos que deseja conhecer e faça uma programação dia a dia. Tire dois dias para as compras, Rua Florida e Unicenter (fica distante do centro – 35 pesos ida e o mesmo para volta – é o maior shopping, com 300 lojas). Há vários shoppings e galerias.
Dicas: Galeria Pacifico; Abasto; Patio Bullrich (é um shopping de grifes famosas). Táxi é muito barato, mas tenha cuidado, sempre separe o dinheiro em um dos bolsos para o táxi. Não esqueça dos alfajores da Havana, é o melhor da Argentina.

Kaka

Compartilhe por aí

Sobre o autor

Scroll to Top